Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Novembro, 2010

Convergência?

Em resposta a um comentarista, aí vão dois gráficos rápidos.
1) A evolução do PIB per capita regional em desvios da média nacional. Nota: sem o DF, o CO fica abaixo da média nacional.





2) O Índice de Theil para os pib/capita dos estados brasileiros (excluindo o DF):

São Paulo cresce mais do que a média, mas perde participação no PIB nacional

É, a notícia é essa mesmo. Ué? Como pode? O negócio é o seguinte: as taxas de crescimento são calculadas a partir das variações dos índices de volume entre 2007 e 2008, enquanto a participação do estado no PIB nacional considera os preços de 2008. Se os preços dos bens em que a economia paulista é especializada crescem mais lentamente que os demais, é bem possível que aconteça o fenômeno descrito no título do post.Agradeço ao meu colega Miguel Matteo pela explicação. (Antes de ir para o IPEA, ele era o cara que fechava o PIB de SP pela fundação SEADE. Sabe tudo do negócio.)

José Roberto Afonso

Ele é um autor indispensável sobre federalismo e finanças públicas no Brasil. (Basta lembrar que é um dos pais da Lei de Responsabilidade Fiscal). Mas eu aprendi faz só uns 6 meses que ele produz um excelente informativo distribuído por e-mail. (Nem sei porque demorei tanto para blogar sobre isso...) Vá lá no site e assine logo!

Diversos

Ah, quem dera ser um blogueiro tão produtivo como o DeLong, o Tyler Cowen ou o Shikida...
Como não sou, aí vão alguns links interessantes que esbarrei ou me enviaram:
- Escravidão e desigualdade, a busca pelo mecanismo causal;
- R é o software que você precisa. Agora é a Forbes quem diz (Obrigado, Urban Demographics);
- V Encontro Escravidão e Liberdade no Brasil Meridional (Obrigado, Pedro Fonseca);
- Os amigos da PUC-RS pedem para divulgar que as inscrições para o mestrado estão abertas;
- Republic of Letters. Por favor, clique no link. É sensacional... (Esqueci quem foi que me avisou...).

Autopromoção Deslavada

Eles estão falando do livro que contém , entre outras coisas bem legais, o artigo que Shikida, Nogueról e eu fizemos.

Dinamica EGO

Obrigado ao Eustáquio Reis pela dica.
Dinamica EGO 1.6 já está disponível.

É com satisfação que comunicamos o lançamento da versão 1.6 de Dinamica EGO (Ambiente para Objetos de Geoprocessamento).

A plataforma de modelagem de Dinamica EGO apresenta excelentes possibilidades para o desenho de modelos espaciais, desde modelos analíticos aos extremamente complexos e dinâmicos, os quais podem envolver iterações aninhadas, retro-alimentações dinâmicas, abordagem de muit-escalas e multi-regiões, manipulação e combinação algébrica de dados em vários formatos, tais como mapas, tabelas, matrizes e constantes -, processos de decisão para bifurcar e juntar fluxos de execução, mais uma série de algoritmos complexos para análise e simulação de fenômenos de natureza espaço-temporal.

Os operadores do Dinamica EGO, chamados functores, são seqüenciados na forma de um gráfico para se estabelecer um fluxo de dados. Através da interface gráfica, modelos são criados simplesmente arrastando e conectando os fun…