Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Abril, 2008

Preocupado com a crise norte-americana?

Desencane e veja o que a história econômica diz. O gráfico abaixo mostra o PIB per capita dos EUA desde 1870. A bela linha reta, em escala logarítima, só mostra que a taxa de crescimento foi assombrosamente constante. Tirando a Grande Depressão e a II Guerra Mundial, as bolhas, as crises do petróleo e todas as outras manchetes de jornal desaparecem.

Fonte

Novo Ubuntu 8.04

Chateado com o Vista que se arrasta no seu notebook novo? Pronto. Acabaram as desculpas para não usar o Ubuntu. A versão nova permite que você instale e teste de dentro do windows (xp ou vista) como se fosse um software qualquer.

Os Brasileiros de acordo com Darwin

Direto dos diários da Viagem do Beagle (3 de Julho de 1832):
"The Brazilians, as far as I am able to judge, possess but a small share of those qualities which give dignity to mankind. Ignorant, cowardly, & indolent in the extreme; hospitable & good natured as long as it gives them no trouble; temperate, revengeful, but not quarrelsome; contented with themselves & their customs, they answer all remarks by asking "why cannot we do as our grandfathers before us did"
Vale notar que, horrorizado com a escravidão, ele se referia aos livres não-pobres do Rio de Janeiro.

Cartas de Alforria no Rio Grande do Sul

O arquivo público do Rio Grande do Sul vasculhou os Tabelionatos do interior e sintetizou as informações de milhares de cartas de alforria. São mais de 1200 páginas e estão disponíveis de graça!
Isto rende tantas teses de doutorado quanto se quiser.
(Obrigado aos professores (e amigos) Sabino Porto e Pedro Bandeira que me avisaram do fato)

Livros novos para o Departamento de Economia da UFPel

Graças ao Titio CNPq, ao contribuinte e à Amazon, aí vão os livros recém-chegados:
"Predictably Irrational: The Hidden Forces That Shape Our Decisions" Dan Ariely"The Oxford Encyclopedia of Economic History: 5-Volume Set", Joel Mokyr;"African Slavery in Latin America and the Caribbean", Herbert S. KleinThe New Comparative Economic History: Essays in Honor of Jeffrey G. Williamson", Timothy J. HattonGlobalization and the Poor Periphery before 1950 (Ohlin Lectures)", Jeffrey G. Williamson;"Globalization and History: The Evolution of a Nineteenth-Century Atlantic Economy", Kevin H. O'Rourke"Political Economics: Explaining Economic Policy (Zeuthen Lectures)", Torsten Persson;"An Introduction to Efficiency and Productivity Analysis", Timothy J. Coelli;"Time on the Cross: The Economics of American Negro Slavery", Robert William Fogel;"Analysis of Panel Data", Cheng Hsiao"Mathematical Methods an…

Geoda no Linux

Na minha tentativa de viver sem Windows, mais uma conquista. O Geoda, software básico para brincar com mapas e análise espacial de dados, apesar de ter sido escrito para Windows, roda que é uma beleza no Linux/Ubuntu. Basta você instalar o tal Wine. O mais surpreendente é que você não precisa ter menos de 20 anos para conseguir isso. Fiz tudo em 1 minuto e sem configurar nada. Sensacional.

Predictably Irrational

Li Predictably Irrational na semana passada. Leitura de ônibus. É um best-seller de divulgação da behavioral economics, leitura divertidíssima e baseada nos papers do autor, Dan Ariely (home page, blog)
Eu sou bastamte simpático à behavioral economics. Uma das coisas mais impactantes do livro é mostrar como o contexto ou informações irrelevantes influenciam nossas ações. Dois exemplos: I) tentar lembrar os 10 mandamentos deixa os sujeitos da pesquisa mais honestos no experimento; II) fazer um teste com palavras associadas à velhice faz com que os participantes caminhem mais lentamente na saída do laboratório. Bizarro, não? Mas a questão é saber até que ponto esse efeitos são duradouros, intensos e valem para fora do campus do MIT.
Faz uns 10 anos ganhei Irrationality: the enemy within de presente do Mestre Duílio. Eu acho esse um livro mais abrangente, menos pessoal e melhor do que Predictably Irrational. Enfim, a maior utilidade desses livros ainda é o auto-conhecimento. O que não é po…