Resposta ao texto de Alexandre Borges na FSP 23/12/2017

Eu costumo dizer que brasileiro preocupado com imigração é como beduíno perdendo o sono com a chegada das monções. Contudo,  meu texto sobre imigração para a coluna Debates da Folha de São  Paulo rendeu respostas bem inusitadas no Twitter. Fui chamado de esquerdista por uns que acharam  que eu tinha escrito uma resposta ao Alexandre Borges (AB, doravante).
Pensei que tinha ficado claro que os textos foram escritos simultaneamente. Eu não li o artigo do AB e, creio eu, ele não leu o meu antes da publicação.
Ainda estou de férias, mas voltei de viagem ontem e -agora sim-   respondo ao texto de AB aqui .

4 comentários:

Clóvis Menezes Filho disse...

Leo, Excelente artigo! Está cada vez mais em falta pessoas que defendam os benefícios da imigração. Nesse contexto, vai uma pergunta: O argumento que muitos usam é, mais ou menos parecido com o que o Alexandre Borges colocou no últimos parágrafos: Os imigrantes não deveriam receber benefícos do estado, porque o estado brasileiro está inchado. Na sua opinião o imigrante deveria ter os mesmos direitos de um cidadão nato, como o BF, caso necesssite?

Muito obriga, como sempre!
Abraços,
Clóvis

Leonardo Monasterio disse...

Obrigado!

No resto do mundo, até pela estrutura demográfica, os estudos mostram que imigrantes usam menos recursos públicos do que o nativo e também pagam mais impostos do que recebem em serviços públicos. Além disso, as transferências sociais (excluindo previdência) não são o problema estado brasileiro.
Sim, acho que qq um no BR deveria receber BF. É tão pouco e barato que não faz qq diferença. (Quando tiver tempo, vou ver quantos estrangeiros ganham bolsa família)


(A propósito, nos EUA, a escola pública não pode nem mesmo perguntar se uma criança é imigrante legal ou não. tem que educar e pronto. Na califórnia, ilegais estudam em na Universidade pública sem qq restrição)

Caroline Soares disse...

Estou lendo seu livro agora" técnicas avançadas de sobrevivência na Universidade,é um livro ótimo, parabéns pela obra ❤

Leonardo Monasterio disse...

Que bom que vc gostou!
Abraços,
leo.
PS. se tiver tempo, por favor avalie lá na Amazon.

Tecnologia do Blogger.