Pular para o conteúdo principal

Contra o histórico e o natural

Em um dos comentários do blog do Mão Visível, alguém criticou Cancún porque seria "meio fake". E existem aqueles que acham que qualquer horizonte com montanha e lagoa são melhores do que um conjunto de arranha-céus paulistas.
Eu estou do lado do fake. O que chamam de fake é o resultado colossal do engenho humano e da mistura de influências. Eu concordo com aquele cara que comemorou as realizações da burguesia que "criou maravilhas maiores que as pirâmides do Egito, os aquedutos romanos, as catedrais góticas." Afinal, o que fake em um século (ou milênio) vira histórico em outro e os arquitetos do passado também usavam referências de outros lugares. Vou mais longe e acho Las Vegas uma das maiores criações humanas. Pô, ela tem a sua Torre Eiffel, skyline de Nova Iorque e Veneza (com direito a shopping com canais - de água limpa! - no corredor). Tudo junto, copiado, misturado, brega e no meio do nada.
Mas esperem cinco séculos e Las Vegas será considerada uma obra original e nada "fake".
Claro que é esquisito hoje uma Estátua da Liberdade na Barra-RJ (opa, a "original" também foi uma aberração em algum momento). E os cariocas - orgulhosos da beleza natural da cidade - se esquecem que a praia de Copacabana, o Aterro, o Corcovado e Pão-de-açúcar só ganharam com intertevenção humana. Viva o fake!
(O próximo post da série será: "Viva a pizza de sushi!")

Comentários

Karyme disse…
Realmente é muito curioso como as pessoas adoram adotar jargões, como esse usado para criticar criações humanas em detrimento das naturais, como se intervenção humana fosse algo necessariamente ruim. Para mim isso não passa de jargão pseudo-intelectual/defensor da natureza.


Ótimo post!

Postagens mais visitadas deste blog

A regra dos dois desvios

Ao que parece, a regra será a minha maior (e única) contribuição ao Saber Universal. Eu a reproduzi no verbete "Brigas, críticas e debates" do meu magnum opus "Manual de sobrevivência na universidade: da graduação ao pós-doutorado" ( Atualização 2017: O livro está fora do ar porque uma segunda edição, expandida, será publicada em breve). Aí vai:

" "Nunca brigue se o adversário estiver a mais de dois desvios padrãode você em qualquer dimensão: conhecimento, ideologia, inteligência ou porte físico." Se você não sabe o que é desvio padrão, nenhum problema. Traduzindo: nunca brigue se o adversário for muito melhor ou pior do que você em qualquer dimensão: conhecimento, ideologia, inteligência ou porte físico. Se o adversário é muito mais inteligente ou conhece muito melhor o assunto, ouça-o com atenção, faça as perguntas relevantes e aprenda. Não é vergonha. Agora, se o sujeito é burro ou ignorante no assunto, o melhor é desconsiderar. Afinal, qual é a…

Colistete e o atraso educacional brasileiro

Ficou ótima a matéria da Revista Piauí com o perfil do Renato Colistete e sobre sua tese de livre-docência (pdf).
Ele é um pesquisador sensacional, gente boa e orientador de 9 entre 10 dos novos pesquisadores em histórica econômica. Já estava no tempo de ele ter reconhecimento de um público mais amplo.
Aproveite e leia o seu blog . Quando a tese estiver on-line, eu aviso.

Cuba é mais rica que o Brasil?

Um texto da internet afirma (não vou incluir o link):
"O povo daquela ilha rochosa bloqueada é mais rico que o povo do continente Brasil. Essa é uma realidade chocante e geralmente desconhecida." O autor recorre aos dados do World Bank que realmente mostram Cuba com um PIB per capita (PPP)  de US$20611 contra US$ 15893 do Brasil.
Obviamente essa estimativa está furada. É tão furada que a ONU - ao calcular o IDH- estimou outro valor que até os órgãos oficiais de Cuba acharam mais razoável:
The 2013 HDI value published in the 2014 Human Development Report was based on miscalculated GNI per capita in 2011 PPP dollars, as published in the World Bank (2014). A more realistic value, based on the model developed by HDRO and verified and accepted by Cuba’s National Statistics Office, is $7,222. The corresponding 2013 HDI value is 0.759 and the rank is 69th. A mesma fonte coloca o Brasil como tendo renda per capita de US$ 15175. Ou seja, Cuba tem a metade da renda per capita brasilei…