R$2 bilhões/ano para "pescadores"

O Programa Seguro Defeso surgiu em 1992 e deveria beneficiar os pescadores artesanais que não trabalham durante os períodos de reprodução dos peixes. Hoje ele custa 1/12 do Bolsa Família e beneficia 700 mil pessoas.
Eu tento a guardar minha revolta contra as transferências que vão para os mais ricos e não para os mais pobres. Mas, nesse caso, eu guardei uma pouquinho de indignação. Gambier e Chaves revelaram números impressionantes para 2010:
(...) 584,7 mil indivíduos receberam ao menos uma parcela do SD (Seguro Defeso). Por sua vez, de acordo com o censo (...) havia 275,1 mil pescadores artesanais.
As seções 3.1 e 3.2 do TD mostram o tamanho da distorção.
Quem quiser, pode até baixar os nomes dos beneficiários aqui.

6 comentários:

Rafael H M Pereira disse...

Falta de tempo (ie. preguiça) para ler o artigo. Mas isso aí nao parece erro de dupla contagem, tripla contagem, etc etc

Tem alguma analise espacial para ver se tem algum caso bizarro? Tipo pescador em Brasilia?

Leonardo Monasterio disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Leonardo Monasterio disse...

Cinco conterrâneos teus ganharam no mes passado!

... DdAB - Duilio de Avila Bêrni, ... disse...

Aí, Léo:
A solução é mesmo a aplicação da lei n° 10.835/2004, ou seja, renda básica para todos: todos somos iguais a receber algum dinheirinho governamental. Os abonados, como o blogueiro e seus comentadores, devem reconverter esse ganho em abatimento do imposto de renda, essas coisas.
DdAB

Anaximandros disse...

No novo livro do Eastearly [The Tyranny of experts] ele revela que o Hayek defendia a renda mínima universal garantida pelo estado. O popular, "morro e não vejo tudo". Os erros no caso das transferências são pt-compatíveis e pt-estimuladas. abraços, s.

Leonardo Monasterio disse...

Pô, Anax, vc revelou que não é tão fiel leitor meu quanto diz (e quanto eu acreditava!).
Eu já tinha postado esse trecho do Caminho da Servidão aqui:
http://lmonasterio.blogspot.com.br/2010/06/hayek-o-intervencionista.html

Abração!

Tecnologia do Blogger.