Jornalismo das não-notícias

Jornais mundo afora e mesmo top econ bloggers publicaram que Muhammad foi o segundo nome mais escolhido para as crianças no Reino Unido. "Oh meu deus, os muçulmanos vão tomar conta do mundo!" alguns devem ter pensado.
Mas o que a notícia diz de verdade? Quase nada. Houve 5.991 chamados Muhammad em 2006, mas 669,531 nascimentos. Portanto, menos de 0,9% do bebês de 2006 se chamam Muhammad. A manchete sensacionalista só diz que os muçulmanos não são lá muito criativos quando escolhem o nome de seus filhos.

2 comentários:

Claudio disse...

Meu Deus, a falta de criatividade tomará conta do mundo árabe!

Leonardo Monasterio disse...

Eh melhor Mohammad do que chamar um filho de Paris ou Delubio!

Tecnologia do Blogger.