Novidades no IPEADATA e Memória Estatística do Brasil

Bastam alguns meses sem visitar a parte histórica do Ipeadata ou a Memória Estatística do Brasil/Nemesis para eu ficar surpreso com o monte de informações novas disponíveis. Maravilhas estão no ar graças ao trabalho do Eustáquio Reis e sua turma no IPEA.
- Lembram daqueles gráficos, sem as tabelas originais, com índices de preço na Bahia do livro da Katia Mattoso ("Ser escravo no Brasil")? Pois é, o Eustáquio foi para a França e conseguiu a tese original. Os dados agora estão no IPEADATA.
- As novidades da Memória Estatística do Brasil são tantas que nem cabe detalhar. Só adianto que tem ouro lá!
Ter tantos dados com tão fácil acesso é um marco da pesquisa sobre história econômica do Brasil. Cliometristas de todo o mundo, uni-vos e mãos à obra!

Um comentário:

Marcelo disse...

Outra ótima notícia.
Parabéns.

Tecnologia do Blogger.